O que levar em consideração na hora de fazer treinamento para liderança

Tempo de leitura: 5 minutos

O treinamento para liderança é uma opção cada vez mais considerada pelas empresas. Afinal, os líderes são capazes de motivar e estimular melhor suas equipes quando são bem treinados e orientados, desenvolvendo as competências dos demais colaboradores.

Apesar disso, nem todos sabem exatamente como funcionam esses treinamentos, nem de que forma escolher os melhores métodos para os líderes e gestores. Continue lendo este conteúdo e entenda mais sobre o tema.

Qual a importância do treinamento para liderança?

Para falarmos sobre a importância do treinamento para liderança é preciso, primeiro, entendermos o quão fundamental é a presença do líder. Lembrando que líder e gestor são funções bem diferentes.

As lideranças são fundamentais em qualquer empresa porque ajudam a guiar e orientar as equipes e os colaboradores, melhorar o nível de criatividade do grupo e também de inovação, reforçar a cultura da empresa e auxiliar no processo de crescimento dos demais membros dos times, inclusive reforçando o desejo de que eles também se tornem novos líderes.

Mas para liderar adequadamente é fundamental desenvolver determinadas competências, que não estão envolvidas apenas com as questões técnicas, mas principalmente com o lado comportamental.

Um bom líder é aquele com um alto nível de autoconhecimento e inteligência emocional, apresentando determinadas características como:

  • empatia;
  • humildade;
  • autoconfiança;
  • altruísmo;
  • facilidade de comunicação;
  • facilidade de negociação;
  • bom gerenciamento de tempo;
  • capacidade de delegar tarefas;
  • gerenciamento de atividades;
  • poder de decisão;
  • criatividade.

Nem sempre os líderes apresentam todas essas características, ou conseguem discernir quais são seus pontos fortes e fracos. É por isso que o treinamento para liderança é essencial, ajudando esses profissionais a se conhecerem, desenvolverem seus pontos positivos e trabalhar corretamente com os negativos.

Como funciona o treinamento para liderança?

Os treinamentos para os líderes podem ser feitos de diferentes formas – e com variadas prerrogativas. Assim, o mais importante é, antes de investir em um programa aleatório, compreender quais são as demandas das lideranças da sua empresa – e o que a companhia espera dessas pessoas.

Por isso, é indispensável entender quais as principais características que seus líderes devem ter, as habilidades técnicas e comportamentais e as dificuldades que eles têm apresentado, de forma a pensar em treinamentos que desenvolvam essas questões.

Após esse passo, pense nas opções disponíveis de treinamento, como: consultoria externa, workshop in company, cursos específicos para lideranças, formação à distância etc.

Alguns dos pontos interessantes de serem desenvolvidos nesses treinamentos são:

  • Autoconhecimento e inteligência emocional – Quanto mais ferramentas presentes para que os líderes se entendam e aprendam a lidar com as suas emoções e as dos demais, mais interessante o treinamento será, ajudando a desenvolver as competências emocionais das suas lideranças;
  • Comunicação e relacionamento interpessoal – Um dos principais papéis do líder é, justamente, conseguir se comunicar e se relacionar adequadamente com a sua equipe, motivando-os e inspirando-os;
  • Gerenciamento de equipe – Saber delegar é essencial para os líderes, assim é interessante investir em treinamentos que deem suporte a essa questão, ajudando a liderança a compreender melhor sua equipe e a conseguir extrair o melhor de cada um;
  • Gestão de tempo – Saber definir metas adequadas aos prazos disponíveis é fundamental para o sucesso das equipes, por isso é importante trabalhar a questão do gerenciamento do tempo com as lideranças;
  • Feedback e empatia – É impossível liderar bem sem ser empático e sem oferecer feedbacks adequados, que ajudem os demais colaboradores a crescerem.

Quais os melhores exemplos de treinamento para os líderes?

Como você viu, são muitos os tipos de treinamento para liderança que podem ser usados na sua empresa, dependendo das características que você deseja incentivar. Algumas boas ideias são:

Expansão da consciência

A expansão da consciência está ligada à ampliação das percepções que temos sobre nós e sobre o Universo. Com ela, podemos melhorar o autoconhecimento, a inteligência emocional e também desconstruir crenças limitantes e modificar a maneira como enxergamos a nossa relação com os demais.

Essa técnica auxilia os líderes a se entenderem melhor e a modificarem seus padrões de pensamento e comportamento. Além disso, os ajuda a conquistarem mais qualidade de vida, liderando pelo exemplo e inspirando os demais membros da equipe.

Mentoria pessoal

A mentoria é contar com a ajuda de uma pessoa mais capacitada e experiente para ajudar seus líderes a se descobrirem, traçarem estratégias e alcançarem seus objetivos.

Esse processo funciona como uma tutoria, em que o mentor, com mais conhecimento e experiência, auxilia o mentoreado a alcançar melhorias a nível pessoal e profissional a partir de insights, reflexões e compartilhamento de experiências.

Mindfulness

O mindfulness tem sido usado em grandes empresas, não apenas no treinamento dos líderes, mas de uma forma geral para todos os colaboradores. A ideia é favorecer o “sentir-se no aqui e no agora”, ajudando a reduzir os níveis de estresse e ansiedade e ainda favorecendo a criatividade e a inovação, além do autoconhecimento.

São muitos os treinamentos e técnicas que podem ser usados, mas incluir a meditação por alguns minutos durante a jornada já é capaz de trazer excelentes resultados.

Neste conteúdo, você viu que o treinamento para liderança é essencial. Pois, ajudando os líderes a se conhecerem melhor e a desenvolverem as competências emocionais e comportamentais adequadas para essa função.

Gostou deste conteúdo? Assine a nossa newsletter e não perca mais nenhuma novidade aqui do blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *