Aprendizagem transformadora: 5 motivos para apostar

Tempo de leitura: 6 minutos

Muitos empresários compreendem o quanto é importante investir em aprendizagem para os seus colaboradores. Porém, às vezes pode ser complicado definir as melhores opções e metodologias.

Entre essas possibilidades, está a aprendizagem transformadora – uma maneira diferenciada de compreender o aprendizado, voltada especialmente para a disseminação do conhecimento entre adultos. Importante: não estamos nos referindo à formação de jovens aprendizes!

Não conhece a aprendizagem transformadora e não sabe como ela pode ajudar a sua empresa? Continue a leitura deste conteúdo!

O que é aprendizagem transformadora?

Podemos definir a aprendizagem transformadora como a capacidade de expandir a nossa consciência a partir de uma nova percepção do mundo e da nossa disposição em aprender, mudar e crescer.

Ou seja, esse tipo de aprendizagem é um processo pelo qual transformamos modelos de referência problemáticos em inclusivos, diferenciados, abertos, reflexivos e emocionalmente capazes de mudar.

Quando adotamos uma aprendizagem transformadora, naturalmente passamos a avançar em três aspectos, que são:

  1. Psicológico – Mudamos a nossa maneira de enxergar e fazer as coisas e passamos a questionar mais “por quê?”;
  2. Comportamental – Ao observarmos mais e experimentarmos mais, passamos também a tentar fazer coisas novas, de maneira criativa e diferente do que estamos habituados;
  3. Sistema de crenças – Nossas crenças podem ser alteradas a partir das novas perspectivas e insights trazidos pelo aprendizado.

Esse conceito foi proposto pela primeira vez em 1978, como uma maneira de reconhecer a dimensão crítica da aprendizagem na idade adulta.

Os estudiosos notaram que os adultos, em geral, aprendem de duas formas: pelo instrumental. Ou seja, ao lidar com a resolução de problemas e relações de causa e efeito; e pelo comunicativo, quando expressam sentimentos, necessidades e desejos.

Por isso, para que haja um aprendizado, é necessário também que se realize uma mudança nas estruturas de significado, que são predisposições de pensamentos ou de atitudes baseadas nas suposições que já temos, fruto da cultura, do ambiente e da convivência.

Para que essas estruturas sejam modificadas, a pessoa precisa refletir sobre a essência do problema, os caminhos para solucioná-lo, o ponto de partida para que se resolva a situação, entre outras questões críticas.

Dessa forma, diferentemente da aprendizagem tradicional, sua versão transformadora visa, como o próprio nome sugere, modificar paradigmas e visão de mundo, favorecendo o autoconhecimento e transformando a forma como enxergamos e refletimos sobre nossa realidade.

É um processo pelo qual os adultos aprendem a pensar criticamente em vez de aceitar os pressupostos apresentados por terceiros.

Por que investir na aprendizagem transformadora?

Embora a aprendizagem transformadora possa parecer complexa no primeiro momento, ela é muito interessante para o universo empresarial.

Afinal, ao ajudar seus líderes e colaboradores a se tornarem mais reflexivos sobre a realidade, esse tipo de conhecimento também ajuda a transformar as relações laborais, o modo de fazer as coisas dentro da empresa, o grau de inovação e vários outros pontos.

Vamos ver em detalhe as principais vantagens que ela traz às empresas.

1. Experiência do colaborador

Sentir-se valorizado pela empresa onde trabalha é um fator motivador para inúmeros colaboradores. Oferecer a possibilidade de seus funcionários aprenderem coisas novas e se atualizarem é uma maneira de demonstrar o quanto eles são importantes para o seu negócio.

Nesse ponto, a aprendizagem transformadora funciona modificando os paradigmas dos seus colaboradores e tornando-os pessoas mais críticas e atuantes. Ao dar “voz” aos alunos, esse tipo de aprendizagem modifica a forma como obtemos conhecimento – de meros agentes passivos a seres atuantes e reflexivos.

Tudo isso se reflete também na experiência do colaborador com a empresa e com o próprio meio onde se insere, tornando-o mais crítico, tanto em relação às suas ações como em relação às experiências profissionais, valorizando a empresa por ajudá-lo nesse processo de autoconhecimento.

2. Líderes inovadores

A aprendizagem transformadora é uma grande aliada da inovação. Afinal, é por meio dessa mudança de paradigma que passamos a refletir e questionar mais o nosso entorno, o que também envolve as “formas de fazer” dentro da empresa.

Isso significa maior taxa de inovação, principalmente em relação à liderança, que estará mais propensa a ver alternativas e novas vias dentro da empresa; seja inovando no lançamento de produtos; seja nas questões internas, como processos, gerenciamento de equipes, entre outras.

3. Crescimento nos resultados

Diferentemente dos demais tipos de aprendizagem, a transformadora compreende que o indivíduo é capaz de se transformar conforme rompe com seus hábitos mentais.

Isso significa que tanto colaboradores quanto líderes poderão romper com crenças limitantes e passarem a, juntos, produzir um saber significativo, mudando a forma de pensar e enxergar as ações dentro do mundo empresarial.

Essa mudança de postura, claro, é capaz de trazer vários pontos positivos, como aumento da produtividade, identificação da importância de cada indivíduo para os resultados coletivos do negócio, maior grau de inovação e mais motivação para alcançar as metas, o que se traduz em resultados mais positivos para a empresa.

4. Empreendedores mais realizados

A aprendizagem transformadora também pode ser utilizada pelos empreendedores. Ao desenvolver um pensamento crítico e uma mudança na sua postura, é possível potencializar a tomada de decisão orientada por outras dimensões além da econômica-financeira.

Assim, os empreendedores conseguirão considerar outras áreas na hora de empreender ou de dar novos rumos aos seus negócios já estabelecidos, levando em conta, por exemplo, as demandas socioambientais – e tornando-se mais realizados ao verem os frutos das suas ações, mudando situações e apoiando o desenvolvimento de pessoas.

5. Jovens talentos potencializados

Vários estudiosos da educação já demonstraram que as pessoas são capazes de pensar criticamente diante de diversas situações, na medida em que são estimuladas para isso.

Se os seus jovens talentos passarem a modificar a percepção que têm sobre si mesmos ou sobre a realidade, poderão adquirir novas habilidades, testar novas funções e produzirem de maneira mais criativa e dinâmica, desenvolvendo novas formas de analisar os problemas e de resolver situações variadas do dia a dia profissional.

Como você viu neste conteúdo, a aprendizagem transformadora é uma maneira diferenciada de encarar a educação. Ela é voltada exclusivamente para a aprendizagem em adultos e busca transformar a maneira como enxergamos a nós mesmos e a nossa realidade, transformando paradigmas e ajudando a nos tornarmos seres mais reflexivos e críticos.

Para o universo empresarial, esse tipo de aprendizagem também é muito positivo, uma vez que ajuda seus colaboradores, líderes e jovens talentos a mudarem suas perspectivas e crenças, tornando-se mais críticos, inovadores e reflexivos.

Você gostou deste conteúdo? Quer saber mais sobre a aprendizagem transformadora? Então, assine a nossa newsletter e receba mais conteúdos em sua newsletter ali, na barra lateral direito do nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *